ARTIGOS

Bom comportamento no transporte público

Saber se comportar nos transportes públicos é questão de bom senso e civilidade, mas ainda tem gente que precisa aprender a fazer isso.
Bom-comportamento-no-transporte-publico

Os usuários de transporte público sabem que precisam compartilhar o espaço com pessoas que não vivem do mesmo jeito, que não tem os mesmos hábitos, nem os mesmo gostos musicais etc.

Com tanta gente num ambiente com espaço limitado e (muito comumente) superlotado, é difícil que a convivência seja tranquila o tempo todo, mas a paz é conquistada se todos souberem como se comportar.

As dicas básicas são:

Embarque e desembarque
Para acelerar o embarque e o desembarque, evite ficar parado na frente da porta ou em locais de passagem. Além disso, não obstrua as portas. Sempre que um usuário segura portas no metrô, por exemplo, atrasa o sistema todo e causa transtornos a todos os outros passageiros.

Assentos prioritários
Respeite o fato de que algumas pessoas precisam viajar sentadas e/ou próximas às portas devido a dificuldades de locomoção. É importante ceder lugar para deficientes físicos, idosos, pessoas com crianças de colo e gestantes.

Som
Ouvir música no transporte público, só se for com fone de ouvido. E mantenha o tom de voz moderado se vai usar o telefone ou conversar com os amigos.

Mantenha distância
Em um veículo superlotado é difícil manter distância, mas pequenos gestos podem ajudar. Coloque a mochila no chão ao invés de mantê-la nas costas e procure ficar estável, com as pernas suficientemente abertas para manter o equilíbrio, evitando cair ou empurrar outras pessoas.

Lixo
Não são todos os veículos que tem lixeiras, mas isso não justifica jogar o lixo em qualquer lugar. Se tiver algo para descartar, como embalagens vazias, guarde até a próxima lixeira.

Campanhas

Ainda tem muita gente que não sabe se comportar. Por isso, algumas campanhas (até divertidas) ensinam que o bom comportamento é o segredo para a boa convivência. Confira:

1. Japão – Tokyo Metro
A campanha japonesa pede “Faça isso de novo”; “Faça isso em casa”; “Faça isso depois”; “Faça isso na praia”; “Faça isso lá fora”… Os cartazes incentivam o bom comportamento nas estações de trens, recriminado atitudes como: espalhar as compras pelo corredor; não dar lugar a gestantes; maquiar-se; jogar lixo no chão; ouvir música alta ou conversar em voz muito alta ao telefone. Os quadros amarelos incentivam as boas ações (“Faça isso de novo”), em branco alertam sobre atitudes reprováveis (“Faça isso em casa”):

Transportepublico tokyo1Transportepublico tokyo2
Transportepublico tokyo3Transportepublico tokyo4
Transportepublico tokyo5Transportepublico tokyo10
Transportepublico tokyo6Transportepublico tokyo7
Transportepublico tokyo8Transportepublico tokyo9

2. França – RATP Paris
A campanha francesa pede que “Sejamos ‘humanos’ no transporte público”. A operadora de transportes de massa de Paris sugere que os franceses parem de agir como animais no metrô. Alguns cartazes abordam os usuários como rãs (pulando as catracas sem pagar); como lhamas (que cospem no chão); como preguiças (folgados); como galinhas (que falam alto), como touros (pouco cordiais no trato) etc.

Transportepublico ratp1Transportepublico ratp2
Transportepublico ratp3Transportepublico ratp4
Transportepublico ratp5Transportepublico ratp6
Transportepublico ratp7Transportepublico ratp8

3. Brasil – SPTRans
A campanha paulista lembra aos usuários que o bom comportamento colabora para que a viagem seja melhor. Nos jornais, as mensagens são sobre assentos preferenciais, música alta, espaço e alimentos dentro dos veículos.

Transportepublico sptrans1Transportepublico sptrans2
Transportepublico sptrans5Transportepublico sptrans4

4. Holanda – GVB
O cartaz holandês traz os pedidos básicos sobre civilidade: não fume, não coma ou beba, não coloque os pés nos assentos da frente e pede atenção com os carrinhos de bebês e bikes.

Transportepublico gvb

A campanha holandesa pede para que os usuários não transformem o ônibus em um caminhão de lixo. E usa a parte externa do veículo para mostrar isso de um jeito diferente.

Transportepublico holanda

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
Em meio a um cenário urbano movimentado, perigos muitas vezes invisíveis ameaçam a segurança dos pedestres: a distração causada pelo uso de fones de ouvido e celulares.
O trânsito não é feito de carros, caminhões, ônibus. Ele é feito de gente, como você!

Trânsito ideal é o trânsito mais educado!

O Trânsito Ideal é um projeto da Perkons S.A. para disseminar informações e conteúdos educativos. Confira dicas de comportamento, jogos para crianças, notícias interessantes e muito mais.

APOIAMOS